Eficiência x Eficácia

Eficiência x Eficácia

Quando nos referimos à qualquer atividade que utiliza recursos como tempo, eletricidade, água, humanos e materiais, precisamos conhecer o conceito de eficiência e eficácia. É a partir disso que saberemos se as nossas atividades estão sendo realizadas apenas objetivando o resultado final ou se os meios para alcançar são pensados para serem realizados da melhor forma possível.

Eficácia – Realizar aquilo que se propõe realizar

 Eficiente – Realizar aquilo que se propõe realizar da melhor forma possível, com uso ótimo dos recursos disponíveis.

Um exemplo interessante seria o de uma lâmpada incandescente, ela é 100% eficaz na sua missão de iluminar, porém não pode ser considerada eficiente uma vez que as lâmpadas fluorescentes são capazes de emitir a mesma luminosidade utilizando muito menos energia elétrica.

 Eficiência no Condomínio

E quanto ao seu condomínio, muito provavelmente dirá que não sabe ou que o considera apenas eficaz, ou então eficiente em alguns pontos. Isso acontece por que os prédios antigos não possuíam a preocupação e nem a tecnologia necessária para reduzir os consumos e hoje mesmo com todos os grandes avanços, as novas construções esbarram na redução de custos, tudo isso aliado a falta de processos bem definidos.

Como sermos eficientes?

A base de toda eficiência está na otimização dos processos e das adequações físicas do ambiente, cada etapa da atividade deve ser analisada e detalhada.

O detalhamento da execução das inúmeras atividades vai expor as deficiências dos processos e otimizar o tempo gasto para execução, menor insalubridade aos funcionários, menor gasto com produtos de limpeza e manutenção.

Nenhum processo é estático, sempre a cada execução deve-se avaliar os pontos positivos e negativos, isso é conhecido como processo de melhoria contínua e deverá ser incorporado ao planejamento das próximas execuções.

Capacidade Ociosa

Ser o mais eficiente não significa ter o melhor e mais caro sistema disponível no mercado, e sim aquele que seja dimensionado para a sua necessidade, a ociosidade de um recurso é um parâmetro de ineficiência, mostrando que se tem muito mais do que precisa, isso se traduz em realizações das manutenções nos prazos máximos permitidos, bombas de água que atendam a demanda sem sobras, quadros elétricos bem dimensionados etc.

Alguns exemplos de atividade que podem ter suas etapas melhor detalhadas gerando ganhos em relação ao uso dos diversos recursos.

Água

  • Varrição no lugar da lavagem
  • Filtragem da piscina ao invés de troca da água
  • Lavagem de cisternas e reservatórios sem descarte de água
  • Rega de jardins e plantas
  • Identificação de possíveis desperdícios

Energia elétrica

  • Manutenção dos quadros e painéis elétricos
  • Análise das instalações elétricas e sistema de iluminação
  • Desligar iluminação e outros equipamentos elétricos quando não estiverem em uso

Conclusão

Resumindo tudo o que foi dito, ser eficiente é fazer mais por menos, ganhamos na sustentabilidade, no uso da mão de obra, nos materiais e equipamentos empregados e financeiramente, além de garantir a satisfação dos moradores.

condominiossustentaveis@gmail.com

twitter: @c_sustentaveis

Anúncios

One response to this post.

  1. Posted by jean marc sasson on 05/09/2011 at 15:05

    Renato,

    essepost é importante! Antes de se discutir a importância da matriz energética brasileira, isto é, se é de uma matriz limpa e renovável ou não, temos que focar na eficiência do que hoje possuímos e saber retirar a máxima potência delas!

    ótimo post!

    abraços!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: