Posts Tagged ‘chuva’

A Síndica Sustentável – Condomínio Habitat

Habitat

Ações como a do Condomínio Habitat, onde a síndica Eliana Cordoni implementou tantas ações sustentáveis, mostra que é possível mudar desde que tenhamos vontade, é claro que enfrentamos dificuldades e resistências, mudanças geram medo nas pessoas, mas estamos em um caminho sem volta, ou nos enquadramos ou sofreremos ainda mais as conseqüências do que já estamos atualmente.

Convido a todos a se inspirarem no relato abaixo, pois é por iniciativas como essa que ainda luto e continuo acreditando que é possível ser diferente entre os iguais e influenciar pelo exemplo.

IMG_0737

O Condomínio Edifício Habitat é formado por 32 famílias, onde sempre houve a preocupação em reduzir nossas despesas. Há mais ou menos 10 anos instalamos o sistema de aquecimento solar para reduzir o consumo de gás (nosso aquecimento é central). Isso nos trouxe, com certeza, uma redução de no mínimo 50% em nossa conta de gás.

Entretanto, o gasto com a água era muito alto e em 2013 conseguimos aprovar o sistema de individualização da água, que reduziu nossa conta que girava em torno dos R$ 9.000,00 para algo em torno dos R$ 4.000,00. É evidente que trouxe um grande benefício para nós e muito mais para a natureza, pois deixamos pra traz muito desperdício de um bem tão precioso como é a água.

INDIVIDUALIZA AGUA

Agora em 2014 começamos a pensar como aproveitar melhor a água e criamos um sistema de captação da água de chuva e outro para a captação da água das lavanderias (tanque e máquina de lavar roupas). O reservatório da água de chuva é de 5.000 litros que serve para suprir as necessidades de reposição de água da piscina e regar plantas, o da lavanderia é de 3.000 litros que é utilizado para lavar as áreas de circulação, calçadas, garagens e também poderá ser usada para as plantas, porque construímos uma caixa de separação de resíduos e filtragem que possibilita usar nas plantas.

IMG_0876 IMG_0877 IMG_0879

Já demos início na construção da tubulação que poderá levar essa água de reuso das lavanderias (500 litros/h) para cima do prédio e ligar nas prumadas que atende as descargas dos banheiros (caixa acoplada), que trará uma boa economia, pois é dito que se gasta mais ou menos 16 litros de água cada vez que acionamos a descarga.

Também criamos uma horta que conta com diversas ervas tais como:- manjericão, salsão, salsinha e cebolinha, orégano, tomilho, alecrim, loro, pimenta, etc.

Entre as hortaliças temos:- alface, agrião, almeirão, catalônia, rúcula.

Também plantamos algumas frutíferas:- limão, mexerica, pitanga, romã, jabuticaba, maracujá e uva.

IMG_0599 IMG_0631IMG_0882 IMG_0933

Ambicionamos construir um sistema de geração de energia solar para contribuir no consumo de energia, mas isso ainda é um sonho!!!!

Síndica Eliana Cordoni

Ed. Habitat

Anúncios

Resultado das ações para redução do consumo de água

Após 2 meses finalizamos a primeira etapa das ações que visam a redução do consumo de água.

O que foi feito?

 

  • Inspeção em busca de vazamentos em todas as unidades, principalmente nas caixas acopladas dos vasos sanitários.
  • Troca de todas as torneiras dos lavabos e banheiros das áreas comuns por torneiras com temporizadores mecânicos.
  • Ajuste de vazão em todos os registros para evitar o uso excessivo de água para banho, lavar as mãos e limpezas em geral nas áreas comuns.

Processo

Precisamos considerar o aumento do consumo no verão, na verdade as altas temperaturas registradas no Rio de Janeiro foram aliadas aos desperdícios para gerar o consumo de água verificado, mesmo assim a variação foi superior ao que podemos identificar como sazonalidade de uso.

Médias diárias de consumo em metros cúbicos

Janeiro          84
Fevereiro      76
Março            67

Resultado

A redução foi grande, por volta de 20%, em um mês são 510 mil litros de água a menos. Ainda temos um longo caminho a percorrer pois o consumo continua acima da média nacional e carioca, novas ações estão previstas para implementação no curto prazo, são elas a instalação das caixas acopladas de duplo fluxo nas áreas comuns e a coleta da água de chuva para uso nos banheiros e rega dos jardins. Publicarei assim que obtiver os resultados.

Como o custo da água excedente é muito superior ao metro cúbico dentro do limite estipulado pela concessionária, a redução do valor da conta foi ainda maior, de 30%, aproximadamente R$  4.000,00 a menos do que o pago em janeiro.

Os custos das ações (material + mão de obra) foram por volta de R$ 2.500,00, o que justificou o investimento.

condominiossustentaveis@gmail.com

%d blogueiros gostam disto: